Fernanda em Criatividade Pedagógica

SEJA SEMPRE BEM VINDO!

BEM VINDO (A)!!! Espero poder contribuir!!! ;D

As postagens retratam minhas vivências em sala de aula e enquanto pesquisadora.
Ao final da página estão as principais imagens das experiências como contadora de histórias!
E clicando no arquivo e suas setas, você encontrará todas as demais postagens!

quinta-feira, 3 de maio de 2012

A CULTURA INDÍGENA NA INFÂNCIA DAS PESSOAS NÃO-ÍNDIAS É ESSENCIAL PARA TRATARMOS DE DIVERSIDADES. Não podemos falar sobre os índios de maneira superficial, mas, fazer com que as crianças adentre de forma lúdica neste universo dos povos das florestas. Os quais devemos abordar de forma natural e com respeito ao longo do ano letivo e não somente em data comemorativa.

Painel utilizado para Roda de conversa.

APÓS MOSTRARMOS FOTOS DE UMA ALDEIA INDÍGENA QUE VISITEI, PRÓXIMO AO RIO BRANCO (ALTA FLORESTA) , APRESENTAMOS Vídeo infantil "Todo mundo tem um pouco de índio" (Cocoricor)

Música dos indiozinhos para aprender a contar! "Um, dois, três indiozinhos... dez no pequeno bote...

...Iam navegando pelo rio abaixo, quando o jacaré se aproximou. E o pequeno bote dos indiozinhos, quase, quase virou"

Fizemos um chocalho, semelhantes aos que algumas pessoas índias usam em suas músicas. 

As crianças tocando o chocalho.

Depois, desenhamos com semente de coloral (urucum), para conhecer a tinta que os índios utilizam para se pintarem.

















Antes de irem embora, fizemos pintura corporal semelhantes as dos índios! CLARO QUE ANTES, MOSTRAMOS FOTOS DE COMO OS ÍNDIOS SE ENFEITAM...











TIAGO - ELE NÃO FICOU LINDO?



A PROFESSORA TAMBÉM ENTROU NO CLIMA, CLARO!  

NO OUTRO DIA, FIZEMOS TAPIOCA, PARA MOSTRAR A CULINÁRIA INDÍGENA!


COM LEITE CONDENSADO, PARA A ALEGRIA DAS CRIANÇAS..

FOI UMA ATIVIDADE RICA EM DIVERSIDADE CULTURAL E DELICIOSA!!! 


O GUSTAVO NÃO GOSTOU... RSSS...











SERVIMOS NA FOLHA DE BANANEIRA, DIZENDO QUE ESSES SÃO OS PRATOS DE NOSSOS AMIGOS  QUE MORAM NAS FLORESTAS!

CONFORME OS PAIS CHEGAVAM, ELES TAMBÉM PROVAVAM!

Nenhum comentário:

Postar um comentário